Homem é preso por agredir a esposa e estrangular a filha
Compartilhe

O pedreiro Cláudio Rodrigues da Silva, 50 anos, foi preso na noite de terça-feira (25/06) suspeito de agredir a esposa e a única filha do casal, uma bebê de 14 dias. Foi a mulher que chamou a Polícia Militar para deter o marido, que foi contido por vizinhos da rua Nelson Brunelli, no jardim da Luz, zona leste de Londrina.

 

A criança foi levada até o Hospital Infantil, mas não corre risco. Já a mãe até foi atendida por socorristas do Siate, mas não quis ser levada até alguma unidade de saúde. Em depoimento ao delegado Rafael Souza Pinto, que estava de plantão na Central de Flagantes, que o Bonde teve acesso, ela explicou como tudo aconteceu. Os dois são casados há sete anos.

 

“Ele (Cláudio) saiu cedo ontem (terça-feire) e voltou só de noite. Vi que estava meio alterado. Foi tomar banho e, quando retornou, parecia mais calmo. Eu estava jantando na cozinha e ele pegou a nossa filha no sofá. Começou a apertá-la nos braços e pescoço, estrangulando mesmo, e não largava. Fiquei desesperada porque a respiração dela (bebê) acelerou. Também fui xingada de tudo que é nome e levei um soco na cara”, disse a dona de casa.

 

Com a concordância da vítima, a Polícia Civil solicitou medidas protetivas contra Cláudio, que não poderá se aproximar da família, assim como manter contato com ela por qualquer meio de comunicação.

 

De acordo com o delegado, o homem ainda não foi interrogado “porque estava sob efeito de medicamentos e alcoolizado, além de apresentar um comportamento agressivo e hostil”. Ele foi autuado por lesão corporal e permanece preso no antigo 4º Distrito Policial, na avenida Dez de Dezembro.

Fonte: Bondenews

Compartilhe

Deixe uma resposta