Trabalhador rural atira com espingarda contra residência de motorista em Palmital

A polícia de Palmital registrou um caso de disparo de arma de fogo em via pública na noite de domingo (01/12), quando ainda eram realizados os trabalhos de atendimento ao homicídio de Odair Donizete de Oliveira.

Um trabalhador rural de 40 anos, que não foi localizado pela Polícia Militar, teria desferido um tiro de espingarda contra a residência de um motorista, de 42, com quem havia se desentendido anteriormente.

O crime ocorreu na rua Manoel Gaspar, no conjunto habitacional Padre Inocente Osés, na região do bairro São José.

De acordo com registros policiais, o caso ocorreu por volta das 23h30, quando o acusado teria ido até a casa da vítima e efetuado disparo de arma de fogo, aparentando ser de espingarda, que atingiu o portão de entrada do imóvel.

O motorista disse aos integrantes da equipe da PM que havia se desentendido com o autor, que é conhecido nos meios policiais e tem passagens pela polícia por roubo, porte de arma e tráfico de drogas.

Policiais conseguiam contato telefônico com o acusado, que confirmou ter discutido com a vítima e disse que estaria nas proximidades do Pelotão da Policia Militar, no bairro São José, para prestar mais esclarecimentos.

Contudo, a equipe foi até o local marcado para o encontro e não conseguiu localizá-lo. O trabalhador rural também não mais atendeu às ligações dos policiais, indicando que teria fugido.

O caso foi apresentado na Delegacia da Polícia Civil, que solicitou a realização de perícia na residência atingida pelo disparo de arma de fogo.

Uma equipe da PM fez patrulhamento pela cidade para tentar localizar o autor, mas não o encontrou.

Os policiais receberam informações de que ele residiria em um sítio em Ibirarema, mas não foi especificada a localização.

 

Compartilhe

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Não Permitido Cópia