Após inaugurar igreja em Cândido Mota, pastor morre em boate de Assis
Compartilhe

Um pastor de 56 anos, morador da cidade São José do Rio Preto, morreu em uma boate de Assis, próximo a Estrada da Pinga, na sexta-feira passada (11/09), após inaugurar a igreja evangélica Missão Missionária em Cândido Mota.

Conforme o site Assiscity, que teve acesso ao Boletim de Ocorrência da Polícia Civil, o evangélico deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento de Assis (UPA) com sinais de afogamento e foi a óbito.

A polícia foi acionada e registrou o caso às 3h45 do sábado (12/09), como morte suspeita, pois a boate tem uma piscina.

No local, a vítima foi encontrada inconsciente por amigos, incluindo um outro pastor de São José do Rio Preto. Os acompanhantes do evangélico morto foram conduzidos ao plantão da Polícia Civil, mas não souberam explicar as circunstâncias que ocasionaram a morte do homem.

As testemunhas apenas informaram que estavam com ele na boate e que, ao chegarem à beira da piscina, viram o amigo recebendo massagem cardíaca de uma pessoa desconhecida.

A polícia registrou o caso para apurar os fatos que levaram à morte. Houve a apreensão dos celulares da vítima e dos dois amigos que acompanhavam o pastor. Também houve a realização de perícia no local e a necropsia no homem.  

Fonte: Assiscity

Compartilhe

Deixe uma resposta