Banco é autuado por fila sem respeitar o distanciamento social contra o covid
Compartilhe

A Vigilância Sanitária de Botucatu (SP) autuou na terça-feira (07/08) a agência do Banco Mercantil, localizada na região central da cidade. O motivo alegado é que a instituição gerou uma fila de mais de 100 pessoas e não cumpriu medidas de prevenção ao coronavírus.

 

Agentes da Vigilância Sanitária e integrantes da Guarda Civil Municipal (GCM) foram ao local e verificaram uma extensa fila de clientes, que não mantinham a distância mínima de dois metros entre cada pessoa.

 

Segundo Rosana Minharro, chefe da Divisão da Vigilância Sanitária, o auto de infração foi emitido porque a instituição não implantou estratégias de gestão e controle dos pontos de espera e em os elementos de sinalização no solo para distanciamento mínimo entre os clientes.

 

“A fila chegou a dobrar o quarteirão da agência, com mais de 100 pessoas. O banco também foi orientado sobre como evitar situações como essa que colocam em risco a população”, afirmou a diretora.

 

Em Botucatu, de acordo com decreto municipal, as instituições bancárias são responsáveis por evitar aglomeração de pessoas em filas, tanto dos atendimentos pessoais, quanto dos caixas eletrônicos.

 

Durante a ação, a GCM distribuiu aproximadamente 50 máscaras e deu instruções de prevenção às pessoas que estavam na fila.

 

Em nota, o banco informou que teve questões com a internet que causaram impacto na comunicação com a rede na terça-feira. No entanto, disse que a situação já foi regularizada e que os profissionais da agência realizam o controle da quantidade de pessoas que podem entrar na unidade, assim como do espaçamento entre os clientes na fila.

 

Além disso, o banco orientou os clientes a darem preferência aos canais digitais e evitarem ir às agências bancárias neste período de isolamento social.

Fonte: G1

Compartilhe

Deixe uma resposta