Chuva faz rio transbordar, alaga área de ranchos e desabriga família
Compartilhe

A chuva que atingiu a região de Bocaina (SP) neste domingo (17) fez com que o Rio Jacaré transbordasse na área dos ranchos, inundando o trecho e desabrigando uma família que mora no local.

Segundo a Defesa Civil, o transbordamento foi decorrente do grande acumulado de chuva nos últimos dias na cabeceira do rio, nos municípios de Dourado e Brotas. A equipe foi acionada para avaliar o local.

Segundo a Defesa Civil, Rio Jacaré subiu 3,6 metros após chuva em Bocaina — Foto: Defesa Civil/Divulgação

Segundo a Defesa Civil, Rio Jacaré subiu 3,6 metros após chuva em Bocaina — Foto: Defesa Civil/Divulgação

A Defesa Civil informou que somente uma família vive na área inundada e, neste domingo (17), foi levada para a casa de parentes.

Segundo o órgão, o nível do rio subiu 3,6 metros e, como existe possibilidade de chuvas durante toda a semana, a Defesa Civil continua monitorando a área.

Alojamento em Barra Bonita

Escola foi transformada em alojamento temporário em Barra Bonita — Foto: Prefeitura de Barra Bonita/Divulgação

Escola foi transformada em alojamento temporário em Barra Bonita — Foto: Prefeitura de Barra Bonita/Divulgação

Em Barra Bonita, a chuva também causou estragos na última quinta-feira (14), principalmente nas casas localizadas na Avenida Dr. Caio Simões. Segundo a prefeitura, a água entrou por um terreno vazio e invadiu casas. Algumas famílias perderam tudo.

Por causa disso, a prefeitura transformou o prédio da Escola Prof. Reverendo Gutenberg de Campos, na Vila Operária, em um alojamento temporário. Foram disponibilizadas cama, roupas, material de higiene e alimentação até que a situação das famílias seja normalizada.

Chuva causou estragos em Barra Bonita — Foto: Arquivo pessoal

Segundo a prefeitura, várias pessoas e empresas se dispuseram a ajudar com doações de alimentos, roupas e móveis. Até sexta-feira (15), dez pessoas de duas famílias estavam alojadas no local.

A prefeitura informou ainda que está recebendo doações na antiga Escola Prof. Adelaide Reginato Lima a partir desta segunda-feira (18).

Fonte: G1

Compartilhe

Deixe uma resposta