Como empreender na Nutrição?
Nove cães foram levados ao abrigo municipal após denúncia de maus tratos em Itatinga
Compartilhe

Estratégias para ajudar muitos nutricionistas a terem coragem de pôr no papel seu sonho.

O Dia do Nutricionista está chegando e, essa semana, iniciamos a série #EmpreendercomRobertaLara, onde seguiremos com conteúdos e dicas sobre empreendedorismo e o caminho a percorrer para construir seu legado na prática do profissional. Meu objetivo é compartilhar com minhas estratégias para ajudar muitos nutricionistas a terem coragem de pôr no papel seu sonho e trabalhar para concretizá-lo. Vamos lá?

Empreender: muito além de ter uma única ideia!

Se você quer mudar, comece fazendo aquilo de que gosta. A ideia do seu negócio precisa ser pioneira para dar certo? E a resposta é simples: não necessariamente.

A primeira etapa para uma boa ideia virar um negócio, você precisará arregaçar as mangas e explorar muita pesquisa e pouco, ou quase nenhum, investimento.

Nessa etapa, você terá que fazer uma boa análise exploratória, como pesquisas de mercado. Tudo começa no planejamento!

O que é empreender?

Muitas pessoas pensam que empreender é sinônimo de dinheiro no bolso sempre. O ideal é que a resposta seja positiva. Mas, na prática, é mais além disso. Ser empreendedor significa ser um realizador, que produz novas ideias através da congruência entre criatividade e imaginação.

O empreendedorismo pode ser entendido como a disposição ou capacidade de idealizar, coordenar e realizar projetos. É ter habilidade em criar e implementar mudanças, inovações e melhorias a um mercado ou negócio.

Você tem uma boa ideia, mas sente dificuldade em executar e planejar? Fique por dentro das dicas da série.

Em quais pilares um empreendedor deve se basear?

Veja 8 pilares para se basear na hora de colocar suas ideias no papel em busca de torná-las reais:

  1. Desejo de inovar!
  2. Resiliência para enfrentar os desafios diários.
  3. Ter uma referência na qual se espelhar.
  4. Saber ter autocrítica para perceber os próprios erros e acertos.
  5. Planejamento e pensamento em médio e longo prazo.
  6. Proatividade, pois no começo você ter uma equipe reduzida.
  7. Criatividade e flexibilidade para oferecer soluções inteligentes.
  8. Espírito de gestor!

*Roberta Lara é nutricionista e colaboradora da página sobre nutrição “5 minutos de nutrição”.

FONTE: G1

Compartilhe