DDM investiga morte de mulher liberada de UPA após ser agredida na cabeça pelo ex-companheiro

Wanessa Rodrigues morreu em Andradina (SP) — Foto: Reprodução/Instagram

A Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) instaurou um inquérito para investigar a morte de uma mulher, de 28 anos, após ser agredida na cabeça pelo ex-companheiro em Andradina (SP). Ela foi agredida no sábado (9), passou por atendimento médico e foi liberada, mas morreu na terça-feira (12/03).

Segundo a polícia, o suspeito, de 24 anos, que trabalha como pintor, foi até a casa de Wanessa Rodrigues e, no local, a agrediu após ela recusar ter relações sexuais com ele. A mulher fugiu e procurou atendimento médico na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas foi liberada no dia seguinte.

UPA em Andradina (SP)  — Foto: UPA/Divulgação

UPA em Andradina (SP) — Foto: UPA/Divulgação

Ainda conforme a polícia, na segunda-feira (11), a mulher relatou para a irmã que não estava se sentindo bem. Ela não resistiu e morreu na terça (13/03). A perícia foi acionada. Ninguém foi preso. A DDM investiga o feminicídio.

Fonte: g1

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

destaques da edição impressa

colunistas

Cláudio Pissolito

QUAL O MELHOR PRESENTE PARA PALMITAL NO ANIVERSÁRIO DE 103 ANOS?

Esta votação foi encerrada (since 7 meses).

VOTE NA ENQUETE ABAIXO - ESCOLHA APENAS UMA OPÇÃO

Melhoria na Saúde
35.06%
Melhoria na Segurança
14.34%
Melhoria no Horto Florestal
13.15%
Melhoria do Povo
11.95%
Melhoria na Educação
8.76%
Melhoria nas Estradas Rurais
6.77%
Melhoria na Arborização
3.98%
Melhoria na habitação
3.98%
Melhoria na Assistência Social
1.99%

Foto do Leitor

Envie sua Imagem de fato positivo ou negativo

HORÁRIOS DE ÔNIBUS

Clique na Imagem e Acesse os Horários

TV JC

Temas

Don`t copy text!

Entrar

Cadastrar

Redefinir senha

Digite o seu nome de usuário ou endereço de e-mail, você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.