Fiscalização na Raposo Tavares encontra cabos, celulares, fumo de mascar e relógios sem nota fiscal embaixo de camas de carretas
Mercadorias sem nota fiscal foram apreendidas em Presidente Venceslau
Compartilhe

Motoristas de 29 e 39 anos, abordados pela Polícia Rodoviária em Presidente Venceslau (SP), nesta quinta-feira (10), vão responder em liberdade pelo crime de descaminho.

A Polícia Militar Rodoviária apreendeu nesta quinta-feira (10) mercadorias sem documentação fiscal que eram transportadas em duas carretas, ambas com placas de Ponta Porã (MS), que foram abordadas pela fiscalização no km 616,500 da Rodovia Raposo Tavares (SP-270), em Presidente Venceslau (SP).

Os motoristas de 29 e 39 anos, que conduziam os veículos, vão responder em liberdade pelo crime de descaminho. Eles são moradores de Ponta Porã e Dourados (MS).

Segundo a polícia, os homens alegaram que um “colega” lhes havia solicitado que realizassem o transporte das mercadorias de Ponta Porã até Assis (SP), serviço pelo qual receberiam R$ 700.

Os motoristas foram parados pela fiscalização e ficaram nervosos com a abordagem policial, apresentando respostas desencontradas sobre os motivos da viagem que faziam, segundo a polícia.

Durante as vistorias nos veículos, os policiais encontraram nas cabines das carretas, embaixo das camas, o total de 35 caixas com fumo de mascar, 30 aparelhos celulares, três relógios e quatro cabos de USB para smartphone, tudo desprovido de documentação fiscal.

Mercadorias sem nota fiscal foram apreendidas em Presidente Venceslau — Foto: Polícia Militar Rodoviária
Mercadorias sem nota fiscal foram apreendidas em Presidente Venceslau
Mercadorias sem nota fiscal foram apreendidas em Presidente Venceslau — Foto: Polícia Militar Rodoviária
Mercadorias sem nota fiscal foram apreendidas em Presidente Venceslau

FONTE: G1

Compartilhe