Gata sobe em pinheiro em Palmital e desce com “forcinha” dos Bombeiros – Confira fotos
Compartilhe

Uma gata subiu em um pinheiro ao lado da Usina de Biodiesel de Palmital, que é administrada pela Coopermota às margens da Rodovia Nelson Leopoldino, e necessitou de uma “forcinha” da equipe do Corpo de Bombeiros de Cândido Mota para descer na tarde desta quinta-feira (27/06).

O felino, que teria subido na árvore depois de ser acuada por um cachorro a alguns, estava a uma altura de aproximadamente 15 metros e só voltou ao solo depois que os bombeiros utilizaram jato de água para forçar que ela descesse.

A gata, que tem aproximadamente cinco anos de idade e nasceu na unidade de biodiesel, onde foi adotada e recebia os cuidados do funcionários da Coopermota. Há alguns dias, o felino teria passado para uma área vizinha e teria sido acuada por cachorros da propriedade, subindo no pinheiro e ficando em galhos em uma altura impedia a escalada e não podia ser acessada com escadas ou gruas. Ela aparentava sempre estar bastante assustada e não descia nem mesmo quando era chamada funcionários da unidade.

 

Mário Cascales Aragão, que era o encarregado da unidade e está aposentado da Coopermota a cerca de um ano, disse que sempre vai à unidade para levar ração e ver como está a gata. A ver a situação do animal, que corria risco de morrer sobre o pinheiro, ele acionou o Corpo de Bombeiros de Cândido Mota, que enviou a equipe composta pelos bombeiros Jurandir, Chaves e Silva.

 

Como não havia a possibilidade de utilizar uma escada devido à altura, os bombeiros montaram um esquema com jato de água que forçou o animal a descer da árvore por conta própria. Porém, a gata correu para o meio do mato, impedindo que pudesse receber cuidados e alimento. Os funcionários da unidade da Coopermota aguardam o retorno do felino para avaliar as suas condições de saúde.

CONFIRA FOTOS

 

 

 

Compartilhe

Deixe uma resposta