Horta cultivada em condomínio ajuda crianças a enfrentarem a pandemia
Canteiro virou horta para a criançada em condomínio de Assis: brincadeira e novos hábitos alimentares
Compartilhe

Atividade ajudou a distrair os filhos dos moradores que estão sem aulas há mais de cinco meses e ainda criou novos hábitos alimentares mais saudáveis.

A iniciativa de moradores de um condomínio de prédios em Assis (SP) de criar uma horta onde havia um jardim ornamental acabou resultando em benefícios extras ao planejamento.

O desafio inicial era apenas o de entreter os filhos dos moradores durante a pandemia que começou a fechar as escolas em meados março deste ano – já são mais de cinco meses com os pequenos isolados em casa.

No entanto, além de oferecer uma opção diferenciada de atividade longe das telas de celulares, computadores e TV, a criação da horta começou a despertar na criançada o gosto por uma alimentação mais saudável.

“Todo mundo se engajou nesse projeto, um morador trouxe o esterco para o adubo, outro trouxe mudas de hortaliças, e a coisa foi crescendo. Agora, a criançada do prédio tem a oportunidade de cultivar e colher o que eles plantam”, explica o síndico Laércio Pereira dos Santos Júnior.

A enfermeira Kelly Vilarinho afirma que tem notado difernça no dia a dia dos filhos, que agora agregaram o “compromisso” e regar e rastelar a horta dom frequência. Além disso, a horta influenciou também na alimentação de algumas crianças.

“Minhas irmãs e eu melhoramos a nossa alimentação porque começamos a comer mais saladas. Basta descer e colher, porque tudo ficou perto de casa”, diz o estudante João Victor Panelli, de 13 anos.

Tudo o que é plantado no prédio é consumido pelos moradores, que já estão se acostumando a fazer a feira da semana apenas descendo o elevador.

Jardineiro Arnaldo José Rodrigues divide com as crianças seus conhecimentos no cultivo de plantas — Foto: TV TEM/Reprodução
Jardineiro Arnaldo José Rodrigues divide com as crianças seus conhecimentos no cultivo de plantas

A ideia deu tão certo que os moradores já estudam ampliar o projeto para um segundo jardim que fica ao lado da primeira horta.

A “consultoria técnica” sobre com cultivar e cuidar das plantas fica a cargo Arnaldo José Rodrigues, o jardineiro do condomínio, que divide seus conhecimentos de jardinagem com as crianças.

“Eles fazem um pouco de tudo, mas eles aprendem muito mais colocando a mão na massa, já estão plantando, regando, colhendo, ou seja, estão cuidado da horta. Está sendo muito legal”, diz Rodrigues.

FONTE: G1

Compartilhe