Julho termina com calor em Palmital; agosto começa com nova onda de frio
Compartilhe

A frente fria que passou pelo litoral paulista até favoreceu o aumento da umidade e a formação de mais nebulosidade na Grande São Paulo durante o fim de semana, no entanto, não teve força para trazer chuva para a capital e interior. O sistema frontal já se afasta pelo oceano, ao largo da costa da Região Sudeste, nessa segunda-feira e a previsão é de um dia de sol e tempo firme, apenas com variação de nebulosidade.

 

Em Palmital e região, que teve temperaturas com máxima de 31,4º C e mínima de 13ºC entre sábado e domingo, a semana deverá permanecer com temperatura acima da média para o inverno. Segundo o serviço Climatempo, após um período com tempo nublado, o sol volta a aparecer com força e traz a expectativas de temperaturas na casa dos 30º C até sexta-feira. As mínimas devem ficar na faixa dos 15ºC. Não há a previsão de chuvas.

 

A partir do próximo sábado (03/08), no primeiro final de semana de agosto, a chegada de uma nova massa de ar polar de forte intensidade vai faze os termômetros caírem. A previsão é de mínima de 9ºC e máxima de 21ºC. No domingo (04/08), a previsão é de temperaturas entre 4ºC e 19º C. Na segunda-feira (05/08), as temperaturas deverão entrar em elevação. Há a previsão de que os termômetros registrem máxima de 32ºC e mínima de 20º C no dia 11 de agosto.

 

NEVE NO SUL

Ainda há dúvida se esta nova massa de ar frio será mais intensa ou não do que a super onda de frio que passou pelo Brasil entre 5 e 10 de julho, mas as duas já têm uma coisa em comum: neve na Região Sul!

 

A chance de voltar a nevar no Sul do Brasil é prevista para a sexta-feira, 2 de agosto, nas serras do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e também no Planalto Sul catarinense. A previsão inicial é de que a neve ocorra a qualquer hora deste dia. A região de Bom Jesus (RS), São José dos Ausentes (RS), São Joaquim (SC), Urupema (SC), Urubici (SC) e também Lages (SC) estão entre as cidades com possibilidade de ver a neve cair no dia 2 de agosto.

 

Porém, não se pode descartar a chance de nevar também na madrugada e/ou manhã do sábado, 3 de agosto, por enquanto nas mesmas regiões citadas.  Se a previsão se confirmar, será o segundo episódio de neve do inverno de 2019.

 

Nevar em agosto no Brasil não tão incomum, como muitos podem pensar. Há diversos casos de neve no Sul do Brasil documentados em agosto o mais recente foi em agosto de 2018.

 

Agosto de 2016 também deu neve no Sul, mas a maior lembrança recente de neve em agosto é do inesquecível inverno de 2013, quando a neve caiu de forma generalizada sobre o Sul do Brasil e por três vezes neste mês.  No inverno de 2013, nevou em muitas áreas dos três estados, inclusive na Grande Florianópolis e em Curitiba, onde a última neve havia sido em 1975.

Com informações da agência Climatempo

Compartilhe

Deixe uma resposta