Compartilhe

Evento organizado pelo Cantinho da Viola e pela Prefeitura contou com apresentações de música raiz durante o final de semana; evento em homenagem a Jacó e Jacozinho atraiu grande público

 

jornal da comarca cultura
Dupla vencedora recebeu R$ 1 mil da organização do evento

Um grande público acompanhou durante o final de semana o evento que resgatou as tradições da música raiz na Praça da Matriz de São Sebastião. A segunda edição da Mostra de Viola e Ponteios, que homenageia a dupla palmitalense Jacó e Jacozinho, foi organizada pelo Cantinho da Viola, do professor Gabriel Gonçalves, o Gabriel Violeiro, com parceria da Secretaria de Educação e Cultura da Prefeitura e patrocinadores. Além de diversas apresentações musicais, houve competição de duplas com troféus e prêmios em dinheiro.

A programação foi aberta na sexta-feira com apresentações de alunos e da orquestra Cantinho da Viola. No sábado, as atividades foram iniciadas com apresentação das Irmãs Jacob. Em seguida, houve festival de música raiz com a participação de 13 duplas de diversas cidades. As apresentações foram avaliadas pelo júri formado por Arnaldo Freitas, Gustavo Freitas, Éder Godói, Jefferson Dhy e José Antônio Jacob. As apresentações foram acompanhadas pelo prefeito José Roberto Ronqui, membros da equipe administrativa e convidados.

Depois das apresentações do festival, foi realizado show com os violeiros Arnaldo Freitas e Gustavo Freitas. A cerimônia de premiação contou com a presença dos jurados e de patrocinadores que ofereceram prêmios em dinheiro, além do artesão Edilson, que produziu troféus em formato de viola.

O festival foi vencido pela dupla Adriano Reis e Cuiabá, de São José do Rio Preto, que receberam R$ 1 mil. Em segundo lugar ficaram Mariano da Viola e Marcelo (Sorocaba), seguidos de Roberto Viola e Cristiano (Marília), Jailson Viola e Zé Damas (Cianorte) e Kaio e Kaique (Palmital).

Gabriel Violeiro fez discurso emocionado ao final do evento e agradeceu a parceria do prefeito Ronqui, que o acompanhava, pelo esforço em viabilizar o evento, assim como aos patrocinadores, à secretária de Educação e Cultura, Tatiane Rogatti, e à CRP Som e Luz, do Betão. “Todos foram parceiros para que pudéssemos realizar o evento. Agradeço também as duplas, algumas de longe, que vieram participar do festival, aos jurados, à família Jacob, ao Arnaldo Freitas e a todos os expectadores que ficaram até de madrugada na praça para prestigiar o evento”, finalizou.

Compartilhe

Deixe uma resposta