Motorista é sequestrado e tem carreta roubada na Nelson Leopoldino
Compartilhe

Um motorista, de 47 anos, morador em São José dos Pinhais (PR), foi vítima de um assalto na rodovia Nelson Leopoldino (SP-375) em Palmital. O crime ocorreu na manhã desta terça-feira (28/05), quando ele foi rendido por dois criminosos que o fizeram refém para levar o caminhão carregado com óleo lubrificante. A vítima foi liberada no início da noite na Raposo Tavares, em Ourinhos.

De acordo com informações policiais, o motorista parou na rodovia Nelson Leopoldino, nas proximidades de Palmital, por volta das 7 horas para fazer um café. Ele foi abordado por dois assaltantes que chegaram em um Gol branco. O criminoso que dirigia o carro, aparentando ter mais de 50 anos, era gordo tinha cabelo grisalho e barba por fazer. Outro assaltante, que era pardo e alto, estava armado com um revólver calibre 38.

Os ladrões obrigaram a vítima a entrar no banco de trás do Gol e ficar com a cabeça abaixada para não ver o caminho que faziam. Os bandidos levaram o motorista até um matagal, cuja localização não soube informar, onde ele ficou refém de um assaltante. O condutor do carro não ficou no cativeiro, retornando apenas para deixar marmitas para que o comparsa e a vítima comessem.

O motorista ficou refém durante todo o dia e só foi liberado por volta das 19 horas, nas proximidades do acesso à Transbrasiliana (BR-153), onde funcionam empresas de máquinas e veículos. O motorista contou que foi a pé até um posto no trecho urbano da Raposo Tavares em Ourinhos, onde chamou a polícia. Conforme registro de ocorrência, a vítima informou que a carga de lubrificantes tem valor estimado em R$100 mil e estaria segurada. Contudo, o caminhão não possui seguro. O caso deverá ser encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Palmital, para a apuração da autoria.

Compartilhe

Deixe uma resposta