Palmital confirma mais uma morte por complicações do coronavírus; Tereza Salomão Coco é a 29ª vítima da doença
Compartilhe

A Secretaria de Saúde da Prefeitura, por meio do Boletim Epidemiológico divulgado na tarde de terça-feira (13/04), confirmou a 29º morte por coronavírus em Palmital.

A vítima é Tereza Salomão Coco, de 70 anos, que estava internada desde o final de março em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na cidade paranaense de Bandeirantes.

A paciente havia sido contaminada pela Covid-19 em meados do mês passado e, por apresentar problemas pulmonares, foi internada na ala de isolamento da Santa Casa de Misericórdia em 20 de março.

Ela evoluiu para um quadro síndrome respiratória aguda grave e necessitou de intubação, quando foi transferida para UTI em hospital de Bandeirantes, no dia 27 de março.

Tereza, que era carinhosamente chamada de Tétinha por familiares e amigos, foi a óbito na terça-feira, 13, devido a complicações decorrentes da contaminação pelo coronavírus.

Como ela estava em UTI fora da área de isolamento e não apresentava quadro que possibilitasse a transmissão do coronavírus, houve a liberação para a realização de velório na Funerária Santa Terezinha.

Tétinha era de uma família tradicional de Palmital e viúva do agricultor Valdinei Coco. Sempre muito dedicada ao sustento da família, ela  trabalhava na produção de salgadinhos para festas junto com a concunhada Dirce, esposa do agricultor João Laudério Coco.

Um grande número de mensagens de homenagens e condolências foi publicada por familiares e amigos em redes sociais.

Tétinha, que havia perdido o filho Adriano em março de 2015, deixou as filhas Alessandra, Ana Lúcia e Aline, além de 4 netos. Ela foi sepultada no final da tarde de terça-feira no Cemitério Municipal de Palmital.

Compartilhe

Deixe uma resposta