Palmital ultrapassa meta da vacinação contra a gripe
Compartilhe

Imunização geral atingiu 93,52% dos grupos prioritários no município; ações foram realizadas no Centro de Saúde e nas unidades do programa Estratégia Saúde da Família

 

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe foi concluída ontem para o atendimento a grupos prioritários, entre eles idosos, crianças, gestantes, profissionais da saúde e professores. O trabalho teve sucesso em Palmital, com elevado porcentual de cobertura e a superação da meta estabelecida pelo Ministério da Saúde. De acordo com informações da Secretaria de Saúde da Prefeitura, até a quinta-feira havia registro de cobertura de 93,52% do público-alvo, com a aplicação de 7.708 doses de imunização contra o vírus Influenza.

Desde o início da campanha, em meados de abril, a Secretaria de Saúde desenvolveu diversas ações de vacinação, incluindo divulgação dos trabalhos e visitas de equipas a escolas, creches, entidades e projetos para atender aos grupos prioritários, que podem sofrer mais com as complicações decorrentes da doença que afeta principalmente o sistema respiratório. O trabalho também contou com plantão de vacinação noturno nas unidades do programa Estratégia Saúde da Família (ESF) e o Dia D, em um sábado, no Centro de Saúde Nelson Cunha Bastos.

De acordo com o setor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde, o resultado geral acima da meta teve como destaque a cobertura entre a população idosa, que é um dos grupos mais suscetíveis e que registrou imunização de 95,83% da população estimada. Em contraponto, houve grupos em que a meta não foi atingida, mas chegou-se a elevado porcentual de cobertura. Entre eles estão as crianças menores de seis anos, com 73,87%, e das gestantes, 83,80%.

 

DOSES REMANESCENTES SÃO OFERECIDAS AO PÚBLICO GERAL

O Ministério da Saúde informou que, a partir de segunda-feira, serão oferecidas à população as doses restantes da campanha. A imunização tem como objetivo atender pessoas que queiram estar protegidas da gripe durante o período de inverno. Em Palmital, segundo a Secretaria de Saúde, os trabalhos de imunização com as vacinas remanescentes continuarão nos núcleos do ESF (8 às 17 horas) e no Centro de Saúde (7h30 às 16 horas). 

De acordo com informações da Vigilância Epidemiológica, são poucas as doses disponíveis que estão distribuídas por todos os locais de vacinação que realizaram a imunização dos grupos prioritários. Representantes de órgão municipal ressaltaram que não sabem se o Ministério da Saúde disponibilizará mais doses para nova etapa de imunização. Caso haja esgotamento do estoque, os trabalhos deverão ser concluídos.

Compartilhe

Deixe uma resposta