Compartilhe

jornal da comarca região

 

A Polícia Militar de Ourinhos fez uma mega apreensão de cocaína embalada a vácuo conhecida por Aricanduva, precisamente 4.586 porções nesta madrugada (08), no Terminal Rodoviário. Na ação Franciele da Silva 26 anos, foi presa e na sequencia Shirley Correa 38 anos.

 

Os Policiais Militares em Atividade Delegada pelo Terminal Rodoviário visualizaram Franciele, que desembarcou do coletivo que vinha da Capital- São Paulo, a mesma foi reconhecida por um dos Policiais que já trabalhou em Salto Grande- SP, onde Franciele reside, e ela ao perceber a presença do Policial demostrou nervosismo, o que chamou a atenção do Militar que decidiu por fazer uma abordagem de rotina, aproveitando que estava acompanhada de uma Policial.

 

Feito buscas pessoal nada de ilícito encontrado, mais ao realizar a busca em sua bagagem foi possível encontrar as 4.586 porções de cocaína embaladas a vácuo.

 

Indagada Franciele admitiu que havia sido contratada para ir até São Paulo buscar as drogas e em seguida entregaria para uma pessoa em Salto Grande e que iria receber o valor de R$ 500 pelo transporte.

 

Neste momento recebeu voz de prisão e foi conduzida até a DISE- Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes, onde ao ser ouvida pelos investigadores e o delegado doutor Fernando da Silva Freitas, revelou que havia sido contratada pela amiga Chirley Correa para ir buscar as drogas.

 

Ainda segundo Franciele, após muita insistência de Chirley que não conseguiu arrumar outra pessoa ela aceitou, e após isso começou a conversar um homem da Capital, qual o repassa as coordenadas de como tudo iria ser feito, o mesmo homem qual ela admitiu não conhecer lhe envio o dinheiro das passagens, bem como de um lanche, ela foi até São Paulo e pegou as drogas.

 

Diante de tais declarações os investigadores foram até a casa de Chirley em Salto Grande a prendeu, sendo apresentada na da DISE, onde foi autuada em flagrante com sua amiga Franciele, pelo crime de tráfico de drogas e associação ao tráfico, ficando à disposição da Justiça.

As drogas que foram apreendidas após comercializadas chegaria ao valor de R$ 250 mil reais.

 

Com informações de Reportagens Renata Tiburcio

Compartilhe

Deixe uma resposta