Asilo com surto de coronavírus registra a 8ª morte de idoso
Compartilhe

A prefeitura de Tupã (SP) informou no domingo (19/07) a oitava morte de um idoso da Casa Emanuel, asilo onde foi detectado um surto de coronavírus. A cidade chegou a 11 óbitos pela doença.

 

De acordo com a prefeitura, a morte é de mulher de 94 anos, atendida pela instituição, que foi diagnosticada com coronavírus. Na sexta-feira (17/07), outros dois idosos do asilo morreram com a doença.

 

Com isso, a cidade contabiliza no total 11 mortes causadas por complicações do covid-19 e 171 casos confirmados.

 

Por conta do surto no asilo, os moradores da Casa Emanuel tiveram que ser transferidos para outro prédio, para a prefeitura fazer a higienização do local e evitar a disseminação do coronavírus.

 

Diante da situação atual da pandemia, a prefeitura também informou que vai endurecer as regras da quarentena na cidade e fechou bares, academias, cultos religiosos e lojas de conveniência a partir de sábado (18/07).

 

Tupã tem uma liminar que permite que a prefeitura defina a quarentena por conta própria. No último dia 10, o Ministério Público chegou a pedir à Justiça que a cidade cumpra estritamente as regras do Plano São Paulo, por causa do aumento de casos da Covid-19.

 

Como a cidade pertence ao Departamento de Saúde Regional (DRS) de Marília, deveria cumprir as regras da fase 2 (laranja). No entanto, o Tribunal de Justiça de São Paulo indeferiu o pedido do MP e deu parecer favorável para que o município continue definindo a própria flexibilização.

Fonte: G1

Compartilhe

Deixe uma resposta