Bares são autuados por descumprir decreto do Plano São Paulo
Imagem ilustrativa
Compartilhe

Os donos de dois bares foram autuados por funcionar acima do limite de clientes em Itararé (SP), no sábado (9), como prevê o decreto municipal e o próprio Plano São Paulo de flexibilização da quarentena. A ação, batizada de “Operação Prelúdio”, foi comandada pela Guarda Civil Municipal (GCM).

Um bar autuado fica na região central de Itararé. O outro no bairro Jardim Regina. Segundo a prefeitura, ambos os estabelecimentos estavam funcionando acima do limite permitido por lei, não respeitando o distanciamento social entre as pessoas.

Outros dois estabelecimentos comerciais também foram autuados por aglomeração de clientes, além de permitir pessoas sem máscara e o consumo de bebida após às 20h.

O balanço da operação foi divulgado nesta segunda-feira (11) pela prefeitura de Itararé. A ação de fiscalização aconteceu no bairro Santa Cruz dos Lopes, na área rural, e também na zona urbana.

No total, cinco bares e 12 veículos foram fiscalizados. Houve ainda uma averiguação de denúncia de abandono de incapaz.

Conforme o comandante da GCM, Alisson Rivéli, a operação foi realizada em parceria com a Vigilância Sanitária, Fiscalização, Conselho Tutelar e Polícia Militar. Segundo ele, esse tipo de ação será frequente na cidade.

“Essa operação, como próprio nome sugere, marca o início de uma nova rotina, ainda mais intensa, para todas os departamentos envolvidos. Nosso objetivo é realizar, uma vez ao mês, uma grande busca como essa, para garantir a segurança, a ordem e o bem-estar de todos os munícipes”, destaca.

Pessoas foram abordadas nas ruas durante operação da GCM em Itararé (SP) — Foto: Prefeitura de Itararé/Divulgação

Fonte: G1

Compartilhe

Deixe uma resposta