Campos Novos apresenta programação da Festa do Peão
Compartilhe

Comarca JC

 

A Prefeitura e Associação de Rodeio e Cultura da Estância Climática de Campos Novos Paulista (Arcecanp) apresentou na noite de terça-feira a programação da 14ª Festa do Peão do município, que será realizada entre 29 de agosto e 1º de Setembro em área anexa ao conjunto habitacional Armando Toppan. O evento foi realizado no ginásio municipal de esportes e reuniu organizadores, parceiros, convidados e representantes de entidades.

A festa teve a presença do prefeito Júlio César do Carmo, o Bijuca, acompanhado da primeira-dama Patrícia Tusco do Carmo, do presidente da Arcecanp, Leandro Pires Brusque, do presidente da Câmara Municipal, Alexandre dos Santos Soares, o Xandão, e da prefeita de Ocauçu Alessandra Colombo. Também participaram Rogério Paitl, do Circuito Rancho Primavera (CRP), e o locutor Nivaldo Texano, que fará a animação do rodeio em Campos Novos.

O evento, com parceria do Fundo Social de Solidariedade e patrocinadores, contou com a apresentação do calendário e das atrações da Festa do Peão, que terá montarias em touros do Circuito Rancho Primavera, praça de alimentação, parque de diversões e boate integrada aos camarotes. A programação de show inclui Conrado e Aleksandro (29/08), Yasmin Santos (30/08), Maria Cecília e Rodolfo (31/08) e Bruno e Barretto (01/09).

Bijuca enalteceu o trabalho da Arcecanp e destacou a parceria com a comissão organizadora para promover um rodeio de alto nível e uma programação de show que deverá atraiu grande público a Campos Novos. Além de enfatizar que a programação da festa será aberta com uma grande cavalgada no dia 25 de agosto e que o rodeio oferecerá dois carros zero quilômetros aos campeões. O evento também conta incentivo do governo federal.

Segundo o prefeito, o investimento em lazer e entretenimento à população se soma ao incentivo ao turismo de lazer, que consolida a condição de Campos Novos Paulista como município turístico na categoria Estância Climática. “É importante investir em todos os setores, mas não podemos deixar o turismo e o lazer, pois é uma fonte de renda essencial para a cidade”, ressaltou.

Compartilhe

Deixe uma resposta