Ex-vereador de Salto Grande morre depois de ser baleado na cabeça
Ex-vereador foi baleado na cabeça na própria casa
Compartilhe

O agricultor Arnaldo Francisco Andrino, de 79 anos, morreu na manhã desta sexta-feira (31/05) na Santa Casa de Ourinhos. O ex-vereador de Salto Grande estava internado em estado grave na UTI no hospital desde o último domingo (26/05), quando recebeu um tiro na cabeça após reagir a uma tentativa de assalto em sua casa. Dois jovens e um adolescente foram capturados pela polícia pela prática do crime.

Arnaldo chegou a passar por cirurgia, mas permanecia sedado e respirando por aparelho. Ele não resistiu e foi a óbito por volta das 5h50, quando sofreu uma parada cardíaca. Seu corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Ourinhos para necropsia. Depois da liberação, deverá encaminhado a Salto Grande. A família informou que o corpo será velado a partir das 17 horas desta sexta-feira no Velório Municipal. O sepultamento está previsto para ocorrer na manhã deste sábado (01/10), no Cemitério Municipal. 

Arnaldo Francisco Andrino era casado com Maria Isabel e tinha nove filhos e doze netos. Agricultor muito conhecido na cidade, ele ocupou o cargo de vereador durante oito mandatos na Câmara Municipal de Salto Grande, totalizando 32 anos de atuação legislativa, tendo cumprido o primeiro mandato em 1968 e encerrado o último em 2012. Um de seus genros, Mário Dimas Nogueira, deu continuidade à participação da família na política e ocupa atualmente uma vaga na Câmara Municipal.

O CRIME

O assalto ocorreu na manhã de domingo, na residência localizada na Rua Mello Peixoto, na região central da cidade, nas proximidades da Santa Casa de Misericórdia. O sistema de câmeras de segurança do imóvel registrou o momento em que os três assaltantes chegaram encapuzados por volta das 5 horas, quando ainda estava escuro. Os criminosos invadiram a casa e, logo depois, conseguiram render a esposa do agricultor que estava em um dos cômodos.

 

Os criminosos, que estariam atrás de dinheiro, jóias e do veículo que estava na garagem, foram até o quarto onde o agricultor dormia. Andrino reagiu e lutou com os assaltantes, mas foi atingido por um tiro na cabeça. A mulher conseguiu fugir e pediu ajuda a um parente, que acionou a Polícia Militar. O ex-vereador foi socorrido rapidamente em estado grave para a Santa Casa de Ourinhos, onde passou por cirurgia e ficou internado.

As câmeras de monitoramento também mostraram que os assaltantes permaneceram por cerca de duas horas na residência, quando fugiram já com o dia claro pulando o muro. As imagens mostraram que um dos ladrões portava um revólver.

ASSALTANTES PRESOS

Com base nos registros das câmeras de segurança, a polícia conseguiu identificar e prender, ainda no dia do crime, na rua Huet Bacelar, nas proximidades do Cemitério de Salto Grande, o jovem Jorge André Oliveira, de 20 anos, pela participação no crime. Apesar de ter negado o envolvimento, o rapaz foi reconhecido pela mulher durante o registro da ocorrência no plantão da Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Ourinhos.

 

A equipe da Delegacia Seccional de Ourinhos continuou o trabalho e, já na madrugada de terça-feira (28/05), conseguiu capturar, em Ribeirão do Sul, outros dois envolvidos com o crime. Eles prenderam Vinicius Alves de Oliveira, de 18 anos, e apreenderam um adolescente de 16 anos. Vinicius confessou que foi o autor do disparo, com um revólver calibre 38, que atingiu a cabeça do ex-vereador. O menor também confessou a participação no assalto. Os dois relataram ainda que havia um quarto indivíduo participante do crime, que teria fugido para São Bernardo do Campo.

A polícia também conseguiu recuperar o celular do ex-vereador, que estava com Vinicius, e R$ 104,00 com o adolescente, que seriam parte da venda da joia roubada da residência em Salto Grande. Todos tiveram a prisão preventiva decretada e foram levados à Cadeia Pública de São Pedro do Turvo.

Compartilhe

Deixe uma resposta