Garoto esfaqueia filho de presidiário e procura PM por medo de morrer
Compartilhe

Os pais de um menino de 11 anos de idade procuraram a Polícia Militar da cidade de Juarez Távora (PB) para fazer um Boletim de Ocorrência com medo de que o seu filho fosse morto por vingança a mando de um presidiário. De acordo com dados policiais, a criança esfaqueou o filho do detento com uma faca peixeira na segunda-feira (24/06) em uma bebedeira que estava acontecendo na Vila Nova, na zona rural do município.

 

Segundo a equipe de policiais que atendeu a ocorrência, a vítima informou que por volta das 23h do Dia de São João estava ingerindo bebida alcoólica com alguns amigos quando foi surpreendida sem motivos por uma criança armada com uma faca. O menino veio na direção dele e desferiu um golpe no tórax.

 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e realizou os primeiros socorros. O homem foi encaminhado para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande em estado regular. Ele já recebeu alta médica. No dia do fato, a criança fugiu.

 

Na terça-feira (25/06) os pais da criança foram até a delegacia para prestar o BO e informar que o seu filho estava sendo ameaçado de morte. O caso foi encaminhado para o Conselho Tutelar de Juarez Távora, que vai acompanhar judicialmente o menino de 11 anos, já que ele é menor de idade.

Fonte: OP9 Portal

Compartilhe

Deixe uma resposta