Homem confessa ter estuprado menina de 10 anos e se entrega à polícia
Compartilhe

Um homem de 49 anos foi detido pela Polícia Civil de Piracicaba (SP) após comparecer à delegacia e confessar ter estuprado a enteada do filho dele. A criança tem 10 anos. De acordo com informações da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), ele disse que foi até lá porque ouviu que sofreria retaliação após as pessoas do bairro em que mora saberem da situação.

Segundo a DDM, o homem mora na mesma casa que a criança, onde também vivem a mãe dela e o padrasto, que é filho do suspeito.

O padrasto e a mãe desconfiaram do estupro quando viram o suspeito sair do quarto dela. Eles questionaram a criança, mas ela negou, segundo depoimento dos dois. O homem também foi questionado, e segundo o casal, confirmou, mas disse que tinha tido consentimento para o ato.

O suspeito também afirmou aos policiais que a menina tinha consentido. No entanto, de acordo com o Código Penal (Artigo 217-A), antes de 14 anos o crime é considerado estupro de vulnerável, independentemente de consentimento. A pena nesse caso pode variar de 8 a 15 anos de prisão.

Após o ocorrido, ele foi até a delegacia para contar porque ouviu boatos no bairro em que mora de que sofreria algum tipo de retaliação por conta do estupro. Com o registro do caso, a criança foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) e passou por exame de corpo de delito.

O delegado do Plantão Policial pediu a prisão preventiva do suspeito, que pode levar até 30 dias para sair, mas ele já ficou detido. O caso foi encaminhado à DDM, onde será investigado.

 

Fonte: G1

Compartilhe

Deixe uma resposta