Compartilhe

Vítima contou que foi estrangulada e agredida com chutes e socos. Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) vai investigar o caso.

Uma mulher de 65 anos denunciou à polícia ter sido vítima de estupro e roubo, além de agressões, nas proximidades da avenida das Esmeraldas, zona Leste de Marília (SP), na manhã desta quinta-feira (31).

A idosa afirmou ter sido estrangulada e agredida com socos e chutes. Ninguém foi preso até a manhã desta sexta-feira (1°). A idosa não deu depoimento na Polícia Civil, pois disse que não estava em condições. A Delegacia de Defesa da Mulher vai investigar o caso.

Perto das 10h20 a Polícia Militar foi chamada até a na rua Gabriel Lopes Gonçalves, onde a vítima estava, bastante abalada.

A mulher contou que estava esperando, em seu carro, o início dos atendimentos em uma clínica psiquiátrica, onde tinha uma consulta agendada, quando o criminoso apareceu, fazendo menção de estar armado com uma faca.

A idosa relatou que foi obrigada a entrar no carro, mas não conseguiu sair do lugar com o veículo, pois estava muito nervosa. O homem teria levantado o vestido dela e cometido os abusos.

O criminoso fugiu levando R$ 200, cartão bancário, celular e chaves do carro, no sentido da represa Cascata.

Fonte: g1

Compartilhe

Deixe um comentário