Ferramenta virtual tem como objetivo o acompanhamento de situações de risco a menores, violência doméstica e abandono de idosos e incapazes

 

 

comarca jc
Apresentação foi feita durante reunião na semana passada

 

 

Em reunião realizada na Câmara Municipal de Ibirarema, na semana passada, a Polícia Militar fez a apresentação para as equipes do Executivo e do Legislativo do sistema Órion, uma ferramenta digital que possibilita o registro de ocorrências sociais como os casos de crianças em situação de risco, desentendimento familiar, violência doméstica e idosos e incapazes abandonados. O evento teve a presença do prefeito Thiago Briganó, do vice José Benedito Camacho, o Camachinho, e de chefes e gestores de setores municipais.

O sistema foi desenvolvido por oficiais do 18º Batalhão da Polícia Militar, de Presidente Prudente, e passou a ser usado pelo 32º Batalhão de Assis, que também faz parte do Comando de Policiamento do Interior (CPI-8. Por meio dos dados que podem ser inseridos pelos órgãos municipais no sistema Órion, a PM poderá direcionar suas ações e desenvolver trabalho mais efetivo de prevenção a crimes e para solução de conflitos, além da garantia dos direitos da população.

Thiago Briganó enfatizou a importância do software que integra os órgãos municipais ao setor de segurança pública e destacou que o sistema deverá ser implantado em breve pela Prefeitura de Ibirarema, sob a administração do Departamento de Saúde e Assistência Social. “A diretora Miriam Borges irá definir uma equipe que cuidará dos registros e a empresa vai proporcionar um modo mais prático para que os envolvidos nessas ocorrências entrem em contato com a Polícia”, enfatizou o prefeito.

Compartilhe

Deixe uma resposta