• Post category:Rapidinhas
Compartilhe

CANDIDATO FAMILIAR

O vereador Marquinho Tortinho tem se manifestado publicamente como pré-candidato a prefeito para as eleições do próximo ano. É uma aspiração legítima de qualquer cidadão com situação eleitoral regular e só depende da convenção do partido homologar seu nome como cabeça de chapa. Entretanto, pelo que se sabe, a principal dificuldade será o rapaz passar pela convenção do PCdoP – Partido dos Cascavéis de Palmital.

 

CANDIDATO RELÂMPAGO

Um empresário palmitalense que vive fora há vários anos esteve na cidade recentemente com o firme propósito de se candidatar a prefeito nas próximas eleições. Transferiu o domicílio eleitoral, reservou uma casa para morar e iniciou contatos com lideranças da cidade. Entretanto, a pré-candidatura durou pouco, pois logo ele informou a desistência do projeto político. Será candidato relâmpago ou um estrategista?

 

CANDIDATO COUNTRY

Já o vereador Rodolfo Mansoleli, cujo nome aparece desde o início do atual mandato como possível candidato a prefeito, nada confirma sobre o assunto. Entretanto, de vez em sempre aparece algum ruído indicando a provável candidatura. Essa semana, por exemplo, um áudio feito pelo locutor de rodeio Claudinei Matias, para sua campanha de vereador, foi ressuscitado, anunciando sua chegada.

 

MAIS CANDIDATOS

Outros nomes cogitados são os da ex-prefeita Ismênia e do ex-prefeito Nardão. Ismênia depende do julgamento da Câmara para viabilizar candidatura e Nardão estaria buscando na justiça sua reabilitação eleitoral. Considerando que o prefeito Ronqui deve buscar a reeleição, podemos ter muitas opções em 2020, desde que não se unam em dois grupos, como sempre acontece.

 

SEM VELHINHOS

A relação dos nomes dos eleitores que tiveram seus títulos cancelados mostrou que muitos já faleceram e grande parte são pessoas com mais de 70 anos que não querem mais votar. Com menos velhinhos eleitores, os candidatos terão menos trabalho de conquista aos senhores e senhoras exigentes. Resumindo, não vale mais a pena fazer promessas mirabolantes em benefício dos idosos. 

 

LIXEIRA VISTOSA

Em meio aos trabalhos de decoração da Praça da Matriz para o Natal, em serviço que inclui uma cerquinha branca de balaústre, resolveram instalar uma nova lixeira no espaço público. Estrategicamente, o dispositivo foi colocado na calçada que fica em frente à Igreja, na entrada da alameda entre as palmeiras, causando reclamação dos fiéis católicos. Para alegria dos fotógrafos e das procissões, a vistosa estrovenga foi retirada.

 

CULPA DO TORTINHO

Dizem que a culpa pela instalação da lixeira teria sido do vereador Marquinho Tortinho, que desde o mandato passado apresenta requerimentos solicitando a instalação de lixeiras na praça principal. Antes de instalar lixeiras novas e muito necessárias, o ideal é retirar as antigas e quebradas, há muitos anos sem uso, mas que ajudam a enfeiar a paisagem.

 

PEREBAS CENTENÁRIOS

Nas pesquisas históricas sobre Palmital, sempre aparece um Fanzine (jornal alternativo) de humor e irreverência, intitulado “A Pereba”, de 1920. A exemplo desta coluna, o jornal publicava assuntos políticos e sociais de maneira humorada e satírica, ressalvando que os citados eram pessoas conhecidas, bem quistas e de bom humor. Aqui também não citamos perebas chatos e de mal com a vida, como faziam há 100 anos.

Compartilhe

Deixe uma resposta