Você é, também, um daqueles que sempre diz: não vai dar certo, não consigo, não posso, não sei, não entendo, não isso… não aquilo… não aquilo outro… não tem jeito?

Tais afirmações brotam de onde? Será que vêm de alguma experiência pessoal negativa; uma desilusão; uma frustração; algum medo; alguma insegurança ou a pessoa é realmente pessimista?

O que justifica alguém não querer mais, abandonando, até mesmo, o maior sonho de sua vida?

Qual é a razão de tanta falta de motivo e de sentido?

Será que não há nenhuma brecha para começar de novo, fazendo diferente?

Na verdade, inventamos um monte de desculpas para justificar o injustificável, porque o problema é a falta de entusiasmo. Ou seja, a falta de convicção de fé, de razão profunda, de sentido último, de motivo suficiente.

A palavra entusiasmo, em grego significa: em Deus (‘en’ + ‘Theos’).

A pessoa entusiasmada é aquela que está cheia de Deus. Por isso, vai, acredita, busca, faz, caminha, assume… mesmo quando cai; quando perde; quando sofre…

A pessoa entusiasmada está cheia de coragem; não se intimida; não perde o sonho; não desiste; não murmura; não reclama… não se poupa.

A pessoa entusiasmada se move em Deus.

Pois, então, eu pergunto a você que diz: “não vai dar certo, não consigo, não posso, não sei, não entendo, não isso… não aquilo… não aquilo outro… não tem jeito”. O que move você? Você fé? Você acredita em Deus? Deixa-se mover por Deus? Ou, simplesmente é arrastado por alguma experiência pessoal negativa: uma desilusão; uma frustração; algum medo; alguma insegurança?

Você já parou para pensar que transformou o pessimismo em refrão, o derrotismo em justificativa e o nada como motivo da sua vida?

Não seria a hora de tentar outra vez? Mas, agora, não com o mesmo refrão; não com a mesma justificativa; não com o mesmo motivo. Mude, mas, agora com Entusiasmo: em Deus!

Faz um favor para você mesmo mude. Mas, não de casca como cobra. Mude dentro de você; faça metanóia. Faça uma mudança de critério, de razões, de motivo. Em outras palavras, siga o evangelho: “O tempo já se cumpriu, e o Reino de Deus está próximo. Convertam-se e acreditem na Boa Notícia” (Mc 1,15).

Em 2Cor 5,14, encontramos a seguinte afirmação: “O amor de Cristo é que nos impulsiona”. Você tem fé? Assuma isso, então, como convicção, como motivo, como razão. Faça isso mexer com o seu interior; faça isso derrubar os seus muros; faça isso restaurar seus sonhos; faça isso renovar a sua vida.

Foi isso o que aconteceu com tantas pessoas na Bíblia e, também, nos dias de hoje.

Na Bíblia vemos a história de Elias em 1Rs 19,1-8: “Elias ficou com medo, levantou-se e partiu para se salvar. Chegou a Bersabéia, em Judá, e aí deixou o seu servo. E continuou a caminhar mais um dia pelo deserto. Por fim, sentou-se debaixo de uma árvore e desejou a morte, dizendo: ‘Chega, Javé! Tira a minha vida, porque eu não sou melhor que meus pais’. Deitou-se debaixo da árvore e dormiu. Então um anjo o tocou e lhe disse: ‘Levante-se e coma’. Elias abriu os olhos e viu bem perto da cabeça um pão assado sobre pedras quentes, e uma jarra de água. Comeu, bebeu e deitou-se outra vez. Mas o anjo de Javé o tocou de novo, e lhe disse: ‘Levante-se e coma, pois o caminho é superior às suas forças’. Elias se levantou, comeu, bebeu e, sustentado pela comida, caminhou quarenta dias e quarenta noites até o Horeb, a montanha de Deus.”

Hoje, essa pessoa é você! Alimente-se de entusiasmo para entusiasmar!

Tente outra vez porque as coisas estão apenas começando!

Leia também no JC Online

Compartilhe

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Não Permitido Cópia