Menina de 7 anos relata à polícia estupro cometido pelo pai
Compartilhe

A menina de 7 anos, que denunciou o pai por estuprar ela o irmão de 5 anos, disse à polícia que tinha medo de contar sobre as agressões. O suspeito de 45 anos foi preso no bairro Varjão, em Jundiaí (SP). O caso era investigado desde 2018 pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

 

O G1 teve acesso ao depoimento da vítima à polícia nesta segunda-feira (29/07). No relato, a criança afirmou que os ataques do pai contra ela e o irmão ocorriam na madrugada, quando estavam quase dormindo. “Quando ia deitar o meu irmão dormia primeiro e meu pai mexia comigo. Ele [pai] falava para eu não contar para ninguém, nem para a mamãe. Eu não contei porque tinha medo dele”, contou.

 

A vítima fez o mesmo relato à polícia e para uma psicóloga. De acordo com a Polícia Civil, a prisão temporária de 30 dias foi decretada pela Justiça e ele foi localizado em casa, na quinta-feira (25/07), com apoio da Guarda Municipal.

 

As crianças estão abrigadas em uma casa transitória desde abril. À investigação, a mãe das crianças, que tem deficiência intelectual, contou que quando soube que os filhos poderia ter sofrido violência sexual proibiu o suspeito de dormir com eles.

INVESTIGAÇÃO

Segundo a polícia, a menina se negou a voltar para casa com o pai quando ele foi busca-la na escola. Os funcionários da unidade desconfiaram da situação e comunicaram o Conselho Tutelar e a Polícia Militar. A família era acompanhada pelos conselheiros desde 2013. O homem, que terá identidade preservada para que os filhos não sejam identificados, negou os crimes à polícia.

 

Outra testemunha afirmou, em depoimento, que chegou a morar na casa da família por dois meses. Em determinada ocasião, ela acordou e se deparou com o homem sem roupas ao lado da cama e sob o efeito de drogas. Ele foi encaminhado ao Centro de Triagem de Campo Limpo. A polícia aguarda laudos do Instituto Médico Legal.

Fonte: G1

Compartilhe

Este post tem um comentário

  1. Anônimo

    Puxa vida … Acompanhada desde 2013 hoje só ano de 2019. Que Brasil é esse …. …. Pqp

Deixe uma resposta