Briga de casal termina com homem esfaqueado
Compartilhe

Um homem, de 37 anos, foi esfaqueado durante uma briga com a namorada, de 29 anos, na madrugada desta sexta-feira (12), no Jardim Cambuci, em Presidente Prudente. A mulher foi detida em flagrante e teve sua prisão convertida em preventiva.

De acordo com informações do Boletim de Ocorrência, a suspeita é de que a namorada tenha desferido as facadas.

O homem, conforme o registro da ocorrência, foi encontrado na rua pela polícia todo ensanguentado e agonizando de dor. Foi acionado atendimento médico de urgência, que constatou que nele haviam ferimentos no peito e no braço. A vítima foi levada para o Hospital Regional (HR).

No local, segundo o boletim, também estavam dois tios da vítima e a namorada. A polícia questionou quem teria sido o responsável pelas facadas e os tios do homem alegaram que poderia ter sido a namorada, tendo em vista que ela era muito “nervosa”.

A mulher, que estava com as roupas ensanguentadas e sem ferimentos visíveis, foi questionada pela polícia e declarou não ser a autora das facadas. Contudo, ela afirmou que havia ocorrido uma discussão entre eles e que em determinado momento entraram em luta corporal.

A mulher ainda contou, conforme o boletim, que o namorado se apossou de uma faca e se auto lesionou no peito. Já o ferimento no braço, afirmou que poderia ter sido provocado por ela no momento em que tentava desarmá-lo.

Os policiais foram até a residência onde a briga teve início. Em seu interior, conforme informações da ocorrência, havia muito sangue. Na pia da cozinha estava uma faca, a qual possivelmente teria sido usada nas agressões.

A vítima, em suas declarações, confirmou que tudo teve início com uma discussão do casal. Ele ainda contou que durante a briga foi agredido com um tapa no rosto pela namorada, tendo revidado a agressão. Em seguida, conforme o homem, ela se apossou de uma faca e o feriu.

“Quando vi, já estava sangrando”, afirmou a vítima à polícia, conforme o Boletim de Ocorrência. Sua declaração foi realizada por vídeo.

Ainda de acordo com o registro, a vítima não corre risco de morte.

A ocorrência foi registrada como homicídio simples e o caso será investigado pela polícia. A perícia esteve no local.

 

 

Fonte: G1

Compartilhe

Deixe uma resposta