Cobra que picou médica é filmada em cachoeira depois do ataque
Um funcionário do parque gravou o animal na região da queda d’água minutos depois do acidente.
Compartilhe

Um funcionário do parque gravou o animal na região da queda d’água minutos depois do acidente.

A médica Dieynne Saugo foi picada duas vezes por uma cobra jararaca enquanto tomava banho de cachoeira, a 151 km de Cuiabá (MT). Após ser transferida para o Hospital Albert Einstein e passar por duas cirurgias, Dieynne ainda testou positivo para coronavírus. Um funcionário do parque conseguiu filmar a cobra que picou a médica na cachoeira minutos depois do ataque.

Nas imagens, o animal estava em uma rocha próximo da água. O biólogo especialista em animais peçonhentos, Luiz Saragiotto, diz que não é comum encontrar esse réptil em ambientes como este: “Na verdade, o animal não tem o habito de ficar em locais tão úmidos. Muito provavelmente ele foi atrás de uma fonte de alimento e estava ali de passagem”, informou.

FONTE: Tribuna de Jundiaí

Compartilhe