Desempregado é preso por tráfico na Vila Zanetti
Compartilhe

Homem que vendia pedras de crack foi flagrado pela PM, autuado na Delegacia de Palmital e encaminhado à Cadeia de Lutécia

 

 

Um desempregado de 31 anos foi preso pela Polícia Militar na tarde de quarta-feira por tráfico de drogas. O acusado, que estava com pedras de crack, foi flagrado quando realizada a atividade ilegal na Vila Zanetti. O acusado confessou o crime e estava acompanhado de um comparsa, que conseguiu fugir. O autor do crime foi apresentado na Delegacia da Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante e encaminhado à Cadeia Pública de Lutécia.

De acordo com registros policiais, o flagrante ocorreu por volta das 12h45 na Rua José de Campos Leite. Policiais faziam o patrulhamento preventivo voltado ao combate da criminalidade e receberam informação de que dois indivíduos estariam nas imediações da creche São Sebastião fazendo a venda de drogas. Os PMs foram até aquela região da cidade e, por meio de observação à distância, conseguiram avistar a dupla que escondia a droga em uma caçamba de entulho.

Os policiais deram volta no quarteirão para abordagem e encontraram somente o desempregado, com a quantia de R$ 30,00 em dinheiro no bolso. As notas estavam amassadas, com características do trafico. O acusado tentou fugir e teve de ser algemado. Os policiais vistoriaram a caçamba e localizaram escondidas dentro de um tênis 48 pedras de crack acondicionadas individualmente em plástico e prontas para a venda, totalizando 11,74 gramas.

O outro suspeito não foi localizado durante diligências realizadas pelos integrantes da equipe da PM, que apresentaram a ocorrência na Delegacia de Palmital. O desempregado negou a prática ilegal inicialmente, mas depois confessou que estava vendendo cada pedra a R$ 10,00 e que o dinheiro que portava era proveniente do comercio ilegal.

Diante dos fatos, o desempregado foi autuado em flagrante pelo delegado Giovani Bertinatti, que decretou a prisão e fez o interrogatório. Posteriormente, o homem foi levado para a
Cadeia de Lutécia, onde ficou à disposição da Justiça. O traficante foragido foi identificado pelos PMs, tendo uma foto sido apresentada à Polícia Civil para auxiliar nos trabalhos de apuração do caso.

Compartilhe

Deixe uma resposta