Estádio abre portas para abrigar moradores de rua do frio
Abrigo, colchonetes, cobertores e sopa para moradores de rua
Compartilhe

Os estádios Beira-Rio e o Gigantinho, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, abriram as portas desde sexta-feira (05), para abrigar pessoas em situação de rua. A previsão é de que este fim de semana registrará as noites mais frias do ano no estado gaúcho. 

Além de abrigo, os moradores de rua ganharão colchonetes e cobertores para passarem a noite e as torcidas organizadas do Internacional farão sopão e café da manhã. O time de futebol firmou parceria com a Prefeitura de Porto Alegre e a ONG Cozinheiros do Bem para ajudar os sem-teto. 

O Gigantinho tem capacidade para cerca de 300 pessoas e ficará aberto das 19 às 21 horas para receber os acolhidos. A ação dobra a capacidade de acolhimento oferecida atualmente em Porto Alegre, que tem 355 vagas disponíveis em albergues. 

Exemplo

A iniciativa dos gaúchos segue o exemplo do River Plate, time de futebol da Argentina, que abriu as portas do seu estádio, na noite da última quarta-feira (03), para proteger desabrigados por conta de mais uma noite gelada em Buenos Aires.

Compartilhe