PM aposentado passa trote ao 190 dizendo que cometeu assassinato
Compartilhe

Militares chegaram perceberam que não havia óbito. Pelo contrário, foram informados de que o idoso sobre de esquizofrenia

A tranquila manhã de domingo (19) foi interrompida por suposto homicídio na Rua José Passareli, no Jardim Belo Horizonte, região oeste de Campo Grande. A Polícia Militar foi acionada por um idoso, de 71 anos, que acionou a corporação por telefone dizendo que havia matado uma pessoa.

Quando os militares chegaram ao local perceberam que não havia óbito. Pelo contrário, foram informados de que o idoso sobre de esquizofrenia e possivelmente deve ter tido delírios. As duas equipes acionadas encontraram somente a casa do idoso revirada. Garrafas de bebida alcoólica também foram encontradas.

O homem, que não teve o nome divulgado, foi capitão da PM em São Paulo. Os familiares foram chamados ao local e orientados a procurar ajuda.

A movimentação em frente a casa do idoso chamou a atenção de curiosos. Vizinhos confirmaram que não escutaram nenhum barulho de tiro.

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS

Compartilhe

Deixe uma resposta