• Post category:Rapidinhas
Compartilhe

PASSEATA CÍVICA

O desfile de Sete de Setembro, cuja finalidade é valorizar o civismo comemorando uma data histórica, da Independência do Brasil, já não possui o mesmo sentido de disciplina e organização. Em vez de grupos compenetrados nas regras de apresentação, hoje acontece uma espécie de passeata informal e descompromissada.

 

RESGATE HISTÓRICO

Em tempos de resgate de valores e da ordem perdidos, a exigência de mais comprometimento e seriedade no ato cívico pode tornar o evento mais atraente. Assim, pode-se transmitir com mais clareza a mensagem de civismo e patriotismo proposta pela data e atrair mais público. O desfile do Ano do Centenário será uma excelente oportunidade.

 

DIVISÃO POLÍTICA

Para quem não sabe, a Praça da Bandeira foi construída pelo prefeito Manoel Leão Rego, que concidentemente morava em frente ao espaço cívico. Quando inaugurou a Prefeitura e a Câmara, o prefeito Albino Rainho, adversário de Leão, criou espaço semelhante para hasteamento de bandeiras numa laje suspensa sobre um lago. Cada qual fazia o evento em sua praça.

 

PRAÇAS ESQUECIDAS

Passados mais de 40 anos dos prefeitos Albino Rainho e Manoel Leão, ambas as praças estão em estado de abandono, pois não receberam readequação e sequer manutenção. O pior caso é a Praça da Prefeitura, cujo lago foi aterrado para não dar trabalho e os mastros das bandeiras estão esquecidos, sem qualquer evento cívico. O paisagismo virou estacionamento.

 

ESPETÁCULO AMEAÇADO

Neste inverno quente e seco, a florada dos Ipês ameniza a paisagem árida em Palmital. A beleza da árvore brasileira, que embeleza inúmeras cidades, foi tema de reportagem no Jornal Nacional de segunda-feira, mostrando o espetáculo que proporciona. Aqui, as últimas estão morrendo, sem que haja reposição de Ipê ou qualquer espécie de arvore nova.

 

SUJEIRA ESPETACULAR

Uma das causas para pedidos de erradicação de arvores são as folhas que caem nas calçadas e que para muitos são consideradas como sujeira. Belas fotos e pinturas de paisagens retratam a beleza de ruas, alamedas e passeios cobertos de folhas e flores, mas parece que o encantamento só acontece no abstrato, pois na real muitos não querem.

 

SESSÃO PUBLICITÁRIA

Uma denúncia feita contra o prefeito Ronqui pela vereadora Christina Amaro ganhou o noticiário regional, bastante ávido por polêmicas de cidades alheias. Além de explicações e entrevistas, o ruído antecipado serve de vitrine, pois até convocação de público está sendo feita pelas redes sociais. Será uma sessão publicitária.

 

LITÍGIO PERMANENTE

Executivo e Legislativo estão em confronto direto desde o início do atual mandato e, com a “renúncia” do vice-prefeito, abriu-se oportunidade para grandes saltos sem a barreira dos votos. A história de que ninguém sabia da denuncia é duvidosa, pois durante o dia da sessão muito se comentou sobre o assunto. São os falsos mistérios da política de Palmital.

Compartilhe

Deixe uma resposta