Vídeo mostra batida de carro que matou psicóloga de 26 anos em Assis; motorista foi preso por embriaguez – Confira imagens
Compartilhe

Uma câmera de segurança flagrou o acidente de carro que matou uma psicóloga de 26 anos na madrugada de sábado (01/05), no centro de Assis . O motorista, um dentista de 24 anos, foi preso em flagrante após a batida.

De acordo com a Polícia Civil, Maria Flávia Camoleze Augusto estava no banco de passageiros do veículo que bateu em um prédio comercial por volta das 2h30, na Travessa Sorocabana.

Nas imagens, é possível ver que dois carros brancos trafegavam em alta velocidade na avenida. O veículo onde Maria Flávia estava ultrapassando outro automóvel pela direita, mas não consegue fazer a curva e bate em uma viga do estabelecimento comercial.

Na sequência, o vídeo mostra que o outro carro faz a curva, contorna a praça e vai embora em alta velocidade.

Depois da batida, o socorro foi acionado e a jovem atendida pelo Samu e levada com urgência para o Núcleo de Atendimento Referenciado (NAR). No entanto, ela não resistiu aos graves ferimentos e morreu.

Já o motorista teve ferimentos leves e foi levado a um hospital da cidade. Segundo a Polícia Civil, ele foi preso em flagrante por homicídio culposo na direção de veículo automotor e por apresentar sinais de embriaguez.

O dentista segue internado, sob escolta da Polícia Militar, e vai passar por uma cirurgia no joelho.

A Polícia Civil informou que a Justiça arbitrou fiança de sete salários mínimos para liberar o motorista, mas o valor ainda não foi pago.

A polícia vai analisar as imagens da câmera de segurança para identificar as circunstâncias do acidente.

NOTA DE PESAR

A prefeitura de Cândido Mota emitiu uma nota de pesar pela morte de Maria Flávia, que era filha do provedor da Santa Casa da cidade.

“O prefeito Eraldo e o vice Carlos prestam suas condolências ao pai Dr José Augusto, à mãe Eliane Camoleze Augusto, aos irmãos, demais familiares e amigos, e oram suplicando a Deus por conforto nesse momento de inimaginável dor e tristeza.”

A Santa Casa de Cândido Mota também se manifestou: “nossos sentimentos de solidariedade à família e aos amigos de Maria Flávia. E, que Deus ajude a confortar o coração de todos neste momento difícil”.

Maria Flávia Camoleze Augusto foi velada no domingo (02/05) no Velório Municipal de Cândido Mota e sepultada no Cemitério Municipal.

Fonte: G1

Compartilhe

Deixe uma resposta