Empresário fabrica rodos com luz ultravioleta, que elimina o covid-19, para doar a hospital de Jaú
Compartilhe

Um empresário de Jaú (SP) produziu – e doou à Santa Casa da cidade – uma espécie de rodo com luz ultravioleta que emite uma radiação do tipo UV-C capaz de desinfetar as superfícies onde o utensílio toca. O objetivo, segundo Rodrigo Martiello, é contribuir de alguma forma no combate à pandemia de coronavírus.

 

Segundo o empresário, que entregou ao hospital nesta semana duas unidades de seu rodo com luz ultravioleta, a ideia surgiu após ele ter acesso a um projeto de rodo desinfetante semelhante ao desenvolvido pelo Instituto de Física da Universidade de São Paulo (USP), de São Carlos (SP).

 

“Queria ajudar de alguma forma, mas precisava ser uma contribuição que tivesse a ver com minha área de atuação. Ao ver o projeto, vi que eu tinha mão-de-obra e material à disposição na minha loja. Então, resolvi colocar a mão na massa e ajudar como podia” conta o empresário.

 

Para construir seu rodo desinfetante, Rodrigo Martiello ainda pediu ajuda a empresários amigos, um do ramo do box para banheiros, que fez a estrutura de alumínio, e outro que contribuiu com a soldagem das peças.

 

Os equipamentos entregues à Santa Casa de Jaú contam uma lâmpada que emite radiações ultravioleta. Segundo o empresário estudou nas pesquisas, a radiação do tipo UV-C possui a propriedade de descontaminar ambientes e pode ser usada para matar germes, vírus e bactérias.

 

Ele acredita que o utensílio, quando utilizado no piso de hospitais, pode ajudar a diminuir a chance de propagação do coronavírus por meio de sapatos.

 

RADIAÇÃO ULTRAVIOLETA

A radiação ultravioleta é a fração do espectro eletromagnético que abrange os comprimentos de onda abaixo da luz visível. Cada tipo de radiação UV é responsável por algum dano biológico.

 

A radiação UV-A provoca alterações na pele, causando o envelhecimento. A UV-B, além de atuar no envelhecimento da pele, é a principal responsável por mutações genéticas que levam ao desenvolvimento de câncer de pele. Já a radiação UV-C, a utilizada nos rodos, é considerada a mais nociva e é germicida.

Fonte: G1

Compartilhe

Deixe uma resposta